Gestão da CBTKD sofre um Duro Golpe

 

...  Justiça Carioca dá um breque nas “traquinagens” da atual gestão do Taekwondo “oficial” Brasileiro ...

...  quando os Poderes da Entidade não tiveram a vontade de fazer ... 

 

Não por acaso, já “cantamos a bola” sobre um período conturbado que estaria apenas começando em 23/06/2015 - 'Inferno Astral do Presidente da CBTKD pode estar “apenas” começando'.

E como já alertado, as aventuras políticas do atual mandatário da entidade que controla “oficialmente” a Modalidade Taekwondo no País sofreu, na tarde de 29 Julho 2015 (Quarta Feira), mais UM DURO GOLPE, quando um coletivo de Desembargadores decidiu, "POR UNANIMIDADE DE VOTOS, REJEITADOS OS EMBARGOS DE DECLARAÇÃO, NOS TERMOS DO VOTO DO DES. RELATOR."

EMBARGOS DE DECLARAÇÃO NA APELAÇÃO CÍVEL nº 0313789-68.2012.8.19.0001- (CBTKD x FTEMG), donde se joga uma “pá de Cal” nas pretensões “oficiais” quando:

 "A C O R D A M os Desembargadores da Terceira Câmara Cível (Consumidor) do Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro, por unanimidade, em REJEITAR OS EMBARGOS DE DECLARAÇÃO, nos termos do voto do Relator." Acordão Publicado no Site do TJ/RJ.

Uma decisão categórica que detona a Fraude Estatutária cometida entre os dias 21/Novembro/2011 (Data da Assembleia que alterou o Estatuto da Entidade) e 27/Janeiro/2012 (Data do Registro em Cartório do Estatuto em questão).

Esta decisão tem consequência imediata que é a Refiliação da FTEMG (Federação de Taekwondo de Minas Gerais). IMEDIATAMENTE!!!

Mesmo que a contenda ainda possa subir para Instância Superior, embora, na perspectiva deste Acórdão, “... o enfoque jurídico dado pelo v. acórdão foi suficientemente claro para dispensar a necessidade de novo debate para que o embargante se defendesse, em outras instâncias, de possível alegação de falta de prévio questionamento...”, esta decisão significa um CUMPRA-SE!!! Sob pena de uma ação mais radical da Justiça Carioca.

Inferno Astral

E para quem ainda duvida da “fase negativa” que a atual gestão possa ter se metido, nem os recentes Resultados do Taekwondo nos Jogos Pan Americanos/2015 ajudaram a “estimular” as ideias dos Desembargadores para reverter uma Decisão já “irreversível”. Como muito bem resenhou Marcus Resende em seu Blog Taekwondo Opinião em 26 de julho de 2015 - ‘Pinto volta por baixo e tonto depois da pífia campanha do Brasil no Pan de Toronto’.

De modo que, se “Pinto voltou tonto e por baixo”, imagina agora, depois desta pancada em sua “modesta compostura”.

Alertas que nunca faltaram

Embora os erros tenham ocorrido em função de uma ideia estúpida de afastar entidades, lideranças, mestres, atletas e blogueiros que destoavam dos interesses dos homens do poder de posse do um comando momentâneo na entidade, como relembramos recentemente em 03/07/2015 - ‘Uma aventura que pode ter colocado o Taekwondo “Oficial” Brasileiro em colapso.’, ainda assim, os erros se repetiram ao longo de 2012 e 2013 entre assembleias de retificações, ratificações e re-ratificações a tal ponto de chamar a atenção da Grande Mídia como ocorreu em 07/03/2013 - ‘Substituídas, federações escancaram crise política no taekwondo brasileiro. Esta reportagem produziu um Vídeo, postado no YouTube, ‘Confederação Brasileira De Taekwondo Reúne Assembleia Após Acusações De Ilegalidade' que virou um marco, um registro espetacular para a posteridade, sobre  os argumentos “oficiais” desta trágica aventura.

Não foi por falta do que fazer que publicamos em 31/10/2013 - ‘Taekwondo brasileiro: nova direção que se sustenta aos trancos, solavancos e contradições.', quando apontamos de forma responsável, os equívocos e contradições desta aventura estúpida. Ficando, inclusive, um Registro:

“Quem vai arcar com o ônus decorrente destas ações, sem falar de outras demandas judiciais em curso, tais como Pendências com a LNT e seu caso mais grave do ponto de vista monetário: a multa imposta pela Justiça, por conta do Boicote ao Brazil Games em 2011, e que até agora não foi revertida?
Será que as federações e lideranças que tem apoiado esta gestão estarão dispostas a arcar com esse ônus?
Quem viver, verá!!!”

Consequências

Com esta Decisão, nem precisa ser do ramo, para imaginar que “a porteira está aberta” para que FETESP e FETRON revertam situação idênticas. Inclusive a FTERJ (Federação do RJ) do GM JRKim. E até o caso do STJD/TKD da entidade, destituído de forma questionável pelo grupo que apoia a atual gestão, pode voltar a tona.

Até mesmo o caso da Multa pelo não cumprimento do Acordo no Caso do Brazil Games no qual já registramos em 20/10/2012 - ‘CBTKD se complica no caso BRAZIL GAMES 2012’.

Sem falar das ações civis que lideranças e demais praticantes prejudicados por ações inquisitórias sustentadas neste estatuto que agora vemos confirmado a sua fraude.

Até as Eleições do Atual mandatário foram por água abaixo.

Trocando em miúdos: a Entidade “Oficial” do Taekwondo “Olímpico” Brasileiro está sem Presidente.

E as mazelas vêm a galope. E prometem.

 

 - O Autor,  José Afonsoé faixa preta, professor, praticante e ativista no taekwondo brasileiro.


Artigo Publicado em 30/07/2015, as 23:30hs

Nota da Redação:
¹ O Tkdlivre, não necessariamente concorda com o conteúdo dos artigos publicados e assinados neste Site. O artigo em questão reflete exclusivamente a opinião do autor, e assim, da sua inteira responsabilidade.
²  De qualquer forma, aos questionamentos que este artigo sugere o Tkdlivre, se coloca de antemão, a disposição para, a quem interessar possa, exercer o Direito de Resposta ou fazer o Contraditório.

___________________ &&& ____________________