Sobre os Poomsaes


Por: R.E. Dohrenwend, PhD

O Kata é a essência do Karatê, ao ponto de, com freqüência, ser dito que ´Kata é Karatê`, e esta é a justificativa para uma seção especial de Poomsae na história do Chung Do Kwan Tae Kwon Do. As Escolas ou os Kwans originais ensinaram kata, que foi trazido diretamente dos estilos japoneses e de Okinawa (Shorin e Shorei (Lee, Kang Seok. 1997.Op Cit.)), isso é kata que se originou em Okinawa ou na China. Por causa da ocupação japonesa na Coréia, e a invasão chinesa em 1951, as associações japonesas e chinesas eram desagradáveis aos coreanos. Para o desenvolvimento correto das artes marciais coreanas, considerou-se necessário distanciar estas artes o máximo possível das artes japonesas e chinesas. Isto não era possível, pois o kata dessas artes ainda eram praticados. Esta atitude, mesmo sendo compreensível, foi lamentada por alguns mestres coreanos.

´Quando essas mudanças tiraram completamente do Tae Kwon Do qualquer forma tradicional, onde ficou a Arte nesta Arte Marcial? Considerando que qualquer forma não criada na Coréia, foi retirada do Tae Kwon Do e trocada pelas formas ´coreanas` lançadas para substituir, onde está a tradição a ser preservada? Quanta sabedoria pode ser juntada destas novas formas? Elas são o fast food da ligeira arte marcial moderna; rápida, simples, desnutrida e propensa a causar indigestão... eu me considero um afortunado por ter aprendido de meus instrutores o que sei hoje. Eu os honro por preservarem o Caratê antigo e as formas do Chuan fa que eles me ensinaram e eu continuo transmitindo para meus alunos. Sair da Coréia em 1968 significa que eu escapei de uma tremenda pressão para que jogasse fora tudo o que eu aprendi, filiar-se ao ITF ou a WTF, ensinaria somente as novas formas com as etiquetas coreanas e ensinar como ganhar troféus em torneios.` GMs Kim Soo. Nationalism Means Closed Arts. TKD Times. January, 1996.

O Tul (forma ITF) atualmente em uso pela Federação Internacional de Tae Kwon Do (ITF), era as formas Chang Hun desenvolvido pelo Ms Choi Hong Hi antes de 1965, e eles ainda são ensinados.

As séries de Palgwes e as séries de Taegeuks são os Poomses mais novos que foram originalmente introduzidos e adotados pela Associação Coreana de Tae Kwon Do em 30 de janeiro de 1967. O Grão Mestre Hae Man Park (Chung Do Kwan) foi um dos criadores do Taegeuk/Poomse, e criador dos 6 séries de Kibon (Pers comm. do Mestre J.C. Henkel, que ouviu isso diretamente do Grão Mestre Hae Man Park). Estas são as faixas coloridas básicas do poomsae para a WTF e eles ainda estão em desenvolvimento, enquanto passam com freqüência por pequenos ajustes. A escola Song Moo Kwan TKD usa séries independentes de Poomse, séries do Chung Bong que foram desenvolvidas por alguém em 1974. (Song Moo Kwan - Jay Hong in Robert Frankovich. 1994)

´Ao fundar a Associação Coreana de Tae Kwon Do (KTA) seus membros fundadores concordaram em não favorecer nenhuma das formas das escolas participantes, mas criarem séries completamente novas de formas de acordo com o interesse do Tae Kwon Do mundial e assegurar acordos entre as diferentes escolas. Um grupo de Grãos Mestres coreanos foi colocado como responsável para levar a cabo este projeto. Esse comitê criou o Palgwe - Taegeuk - e os nove poomsae restantes da faixa preta, mas só pouco tempo depois, as formas de Palgwe foram descartadas.` (Livro: Taekwondo perfekt 1 de Konstantin Gil e Kim Chul-Hwan - p. 16,17)

Os Poomsaes Taegeuk foram projetados especialmente para o treinamento de faixas coloridas no Tae Kwon Do. Porém, como muitos dos mestres coreanos, especialmente os da geração mais velha, que foram treinados no estilo japonês, Okinawa ou nos estilos chineses, é realmente possível que este treinamento não tenha sofrido alguma dessas influências no desenvolvimento desse novo poomsae coreano. Na verdade, a influência japonesa é sempre óbvia. O poomsae para o exame classificatório para o terceiro dan, Taebek, tem uma forma muito bonita quando corretamente executada, mas aproximadamente 40% das técnicas no Taebek vêm de dois pontos distintos: Pinan (Heian) kata (nidan e sandan). Estas sucessões empregadas dentro de Taebek são exemplos perfeitos da imensa dívida não reconhecida que a WTF e a TKD têm com o Karatê.

Os muitos Poomsaes criados pelos Mestres Coreanos Modernos desde o começo do Tae Kwon Do em 1945, são extremamente valiosos para o treinamento do Tae Kwon Do. Eles são muito novos, porém não completamente satisfatórios. Pequenas mudanças continuam aparecendo. Freqüentes mudanças no Kata mais antigo e são resultados da falta de conhecimento relativo à aplicação de uma técnica específica; estas mudanças nos poomsaes coreanos são uma tentativa deliberada de fazer o poomsae mais profundo e melhorar a efetividade das técnicas apresentadas. Um bom e recente exemplo desta tendência é a introdução do 6º exercício do Kibon na primavera de 1997.

No Tae Kwon Do, nós estamos diante da criação de uma tradição marcial vital, com o poomsae, que levará esta tradição para o futuro e que ainda hoje está em processo de desenvolvimento. Este é um tempo muito excitante nos treinamentos de Tae Kwon Do. Porém, há riscos a serem encarados.

Há uma crescente possibilidade de a prática de poomsae se tornar mais superficial, e que seu desenvolvimento fique retardado. Esta tendência existe por várias razões (poomsae não são para competição; técnicas de poomsae são altamente perigosas quando corretamente aplicadas; a prática de poomsae é direcionada mais para a perfeição do caráter do praticante do que para aplicações esportivas, etc.). Isto criou um perigo potencial de desvalorização dos poomsae, enquanto a relação do Poomsae Taegeuk com o resto do treinamento fica mais insignificante.

Embora o poomse taegeuk tenha uma porcentagem mais alta de técnicas de chute do que o kata Japonês/Okinawa, Clark observa que ´a proporção de chutes em treinos para a luta esportiva livre ainda não é refletida no poomsae, e que neste momento se retém mais técnicas de combate competitivo do que as artes marciais mais antigas, (ênfase minha)`. Ele conclui que o estilo coreano moderno de TKD vem mudando suas formas para refletir a ênfase esportiva e a predileção coreana por técnicas de chute.

Pode se esperar que os poomsaes continuem mudando para refletir a ênfase crescente no aspecto esportivo do taekwondo, e a ênfase dos treinos no taekwondo moderno está nos chutes. Quase todas as sessões de treino do TKD normalmente são feitas sobre vários aspectos das práticas de chutar, e treinar para a excelência em competição esportiva é focalizar nas convenções artificiais das lutas de Tae Kwon Do - Full Contact que negligência os poomsaes e reduz sua importância. Encontramos isso em muitos dojangs, caratê diferente e os poomsae raramente são o centro do treinamento do Tae Kwon Do. Na verdade, alguns faixas-pretas, grandes competidores, não sabem nada sobre os poomsaes! (Pers. comm. Master Darby Holsing).



Obs.: Este texto se trata de um capítulo do trabalho: History of Chung Do Kwan Tae Kwon Do - by R.E. Dohrenwend, PhD

Tradução: tkdlivre.com